Pintando no Odsal Ling

Pintar no Odsal Ling, alegria no coração, prática e meditação

Pintar no Odsal Ling, alegria no coração, prática e meditação

Foi bem no comecinho, para mim, que pude pintar no Templo, pintar o meu Templo, o Templo pintado, aos poucos acabado, pintar no meu Templo, foi assim: pintar o Odsal Ling, e vê-lo mudando e vê-lo mudado, surgir para mim, a cada momento, um momento sem fim. Pintado por ele, pintado por ela, pintado por nós, em meditação, pintando a sós? Mas pintar o Odsal Ling é mais que pintar, é pintar com os Budas, cercado de bodhisattvas, visualizando a sua dakini — ah tão sublime — em estado tamanho de felicidade. E assim, foi pintar o Templo para mim. E por isso, se a chance vier de pintá-lo novamente, e se vier para vocês tamanha oportunidade, agarrem-na, como farei, com fé e alegria, pois pintar pelas mãos e ver na mente a folia, de poder guardar na memória desta vida, terem pintado seu Templo, o nosso Odsal Ling, uma vez que seja, um dia, é deixar para outros um lindo caminho, de quem em nossa casa jamais se verá sozinho.

Anúncios

Sobre Marcelo Thiollier

No caminho, felicidade tem outro nome. On the path, happiness has another name.
Esse post foi publicado em Budismo, Fotos e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Pintando no Odsal Ling

  1. Pingback: (im)permanência – ou Cavernas da Fé | blogsattva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s