Uma Igreja Mormon, um Templo Budista

Foi com muito carinho que li e refleti sobre os posts Dia de Guru Rinpoche e Uma Carta de Phakchok Rinpoche, recentemente inseridos no blogsattva.org.

Isto porque, entre coisas caríssimas dos ensinamentos do Dharma, me trouxeram memórias de uma interessante visita que fiz ao Urgyen Samten Ling Gonpa, em Salt Lake City, Utah, Estados Unidos (se estiverem pelas Montanhas Rochosas norte-americanas, vale a visita). O Urgyen Samten Ling Gonpa foi fundado em 1994 por Lama Thupten Dorje Gyaltsen sob a supervisão e bençãos de Tulku Urgyen Rinpoche e Tsoknyi Rinpoche.

A impermanência e as perfeitas causas e condições permitem a transformação de situações por muitos tidas como improváveis ou impossíveis. Neste caso, a transformação de um prédio que outrora abrigou uma Igreja Mormon em um Templo Budista Tibetano bem no centro da Rochosas americanas, no Estado de Utah.

Prédio Templo Urgyen Samten Ling

Prédio Templo Urgyen Samten Ling

Aqui pratiquei por vários dias o budismo vajrayana que engatinho em meu caminho, o budismo de nossa linhagem. Contemplei aquela transformação, meditando dentro das minhas limitações, sobre a impermanência, um dos quatro pensamentos, talvez dentre eles aquele que agora vejo e observo com mais atenção e vagar.

Dentro do Urgyen Samten Ling Gonpa

Shrine do Urgen Samten Ling Gonpa

O local emana as bençãos de toda uma linhagem que vem até nosso querido Phakchok Rinpoche, bem como a Yongey Mingyur Rinpoche, descendentes do renomado mestre, Tulky Urgyen Rinpoche, cuja biografia, “Blazing Splendor: The Memoirs of Tulku Urgyen Rinpoche“, a todos recomendo a leitura.

Assim, conforme percorremos o caminho e nos valemos de experiências como essas, valorizamos ainda mais as bençãos do Karma positivo que nos trouxeram a possibilidade de termos aqui, bem pertinho de nós, o Odsal Ling, e a sabedoria dessa linhagem.

Ela está por todos os lados, pelos quatro cantos do mundo — quem poderia imaginar, no Estado de Utah, ela também está lá — basta observar e seguir os ensinamentos, como esses tão belos, dados com tanta simplicidade por quem assiste, com sabedoria, até mesmo uma copa do mundo de futebol, como os ensinamentos na carta de Phakchok Rinpoche, que tanto me tocaram também.

Anúncios

Sobre Marcelo Thiollier

No caminho, felicidade tem outro nome. On the path, happiness has another name.
Esse post foi publicado em Budismo, Fotos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s